Feira do peixe vivo oportuniza a diversificação de propriedades rurais de STI

A tradicional feira será realizada de 16 a 18 de abril na Praça da Prefeitura

0

A Secretaria de Agropecuária e Meio Ambiente de Santa Terezinha de Itaipu promove, nos dias 16, 17 e 18 de abril, a 23ª edição da Feira do Peixe Vivo, na Praça da Prefeitura. Realizada todos os anos na Semana Santa que antecede a Páscoa, a feira inicia na terça-feira (16) com a abertura da lanchonete às 18h, que servirá deliciosos produtos a base de peixe com música ao vivo todas as noites. O serviço será explorado pelas entidades S.O.S e Associação Pestalozzi.

Na quarta-feira (17) a Feira do peixe vivo terá inicio às 09h se estendendo até às 20h e na quinta-feira (18) a partir das 09h. Neste dia o atendimento poderá se estender até às 23h30min. Segundo o secretário de Agropecuária e Meio Ambiente, Paulo Ruppenthal, este ano a área de gastronomia será aumentada para 500², oportunizando maior espaço para os visitantes da feira.

Nos três dias da feira, sete piscicultores de Santa Terezinha de Itaipu vão oferecer em torno de 50 toneladas de peixe das mais variadas espécies com preços acessíveis à população. Número recorde de participantes segundo Paulo, devido ao programa de incentivo a piscicultura, oferecido pela a Administração Municipal em parceria com a Emater –Pr.

Participando pela primeira vez do evento, o agricultor Adilson Fontana da Vila Vitorassi, destacou a importância do apoio da Administração ao pequeno produtor. “É uma grande oportunidade que temos de diversificar nossa produção e agregar renda aos nossos produtos, o que melhora nossa qualidade de vida, estamos ansiosos”, afirmou.

A organização espera comercializar de 15 a 20 toneladas de peixe. Além do peixe vivo os visitantes também poderão adquirir peixes abatidos e limpos, com o selo de qualidade do município e desfrutarem da lanchonete que oferece além dos quitutes a base de peixe, chopp e música ao vivo todas as noites.

A feira é uma oportunidade a mais para os piscicultores do município comercializar seus produtos. “A Feira do Peixe vivo tem como objetivo estimular a diversificação da propriedade, oferecendo aos consumidores produtos de boa procedência e com preço acessível”, finalizou Paulo Ruppenthal, secretário de Agropecuária e Meio Ambiente.

Deixe uma resposta

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. AcceptRead More

%d blogueiros gostam disto: