Chiado no freio não é um barulho qualquer. Cuidado com essa ‘cantoria’

0 1

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

“De repente quando você pisa no pedal do freio, repara que ele está cantando, chiando, o que pode representar dois problemas: um simples, e um grave”

O incomodo do chiado no freio do carro pode ser maior para o bolso do que para o ouvido do proprietário. É melhor não deixar para depois a solução para dar um fim a essa “cantoria”.

 

De repente quando você pisa no pedal do freio, repara que ele está cantando, chiando, o que pode representar dois problemas: um simples, e de fácil solução, e outro grave, de solução complicada e cara. O primeiro problema pode ser mesmo o atrito da pastilha contra o disco, provocando esse assovio, o que passou a acontecer depois que as pastilhas passaram a ser do tipo no-asbestos, ou seja, sem amianto. E algumas provocam mesmo esse assovio. Nada grave e de fácil solução: basta desmontar essas pastilhas, da uma lixadinhas nas beiradas que o assovio desaparece.

O outro problema bem mais grave é o motorista não ter percebido que as pastilhas estavam no final. Porque nem todos os automóveis têm a luz de alerta para isso no painel, ou não se tomou o cuidado de verificar o estado das pastilhas a cada 10 mil quilômetros. Porque se elas não são substituídas quando esse material de fricção chega ao seu final, começa a haver um atrito direto da base da pastilha, que é de aço, contra o aço do disco de freio, o que também provoca um ruído quando se pisa no pedal.  Só que, neste caso, além de trocar as pastilhas, prepare o seu bolso. Porque será necessário também trocar os discos de freio.

Leia a matéria completa no Auto Papo clicando aqui!

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Deixe uma resposta

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. AcceptRead More