Câmbio automatizado de dupla embreagem é realmente bom?

0

Os câmbios automatizados não têm uma troca de marchas suave e davam muitos ‘trancos’. Mas, esse tipo de caixa com dupla embreagem a história é outra

O I-Motion, Easy’R, Powershift e Dualogic são nomes de câmbios que não deixaram saudades. Mas, e os câmbios automatizados de dupla embreagem? Será que são bons de verdade?

Eu recebi um puxão de orelha de um leitor, por sinal muito bem dado. Ele tem toda a razão ao criticar o que eu disse num programa a respeito do fim do câmbio automatizado, de que ele já estava indo tarde. Eu me referia aos câmbios automatizados da Fiat, o Dualogic, o da Volkswagen, o I-Motion, o Easytronic da GM e o da Renault, o Easy’R. Todos eles abandonados e substituídos pelo automático convencional.

E o puxão de orelha foi porque eu não mencionei os automatizados de dupla embreagem, que funcionam sem tranco nem soluço. Esse tipo de câmbio, trata-se de um projeto mais moderno, e por isso, ainda melhor que o automático convencional. Entre eles, têm o DSG da Volkswagen, o PDK da Porsche e outros da Hyundai e da Chery. O único dupla embreagem que deu problema, não por um erro conceitual, mas de projeto, foi o Powershift da Ford. Ele vazava óleo, prejudicando seu funcionamento.

Leia a matéria completa no Auto Papo clicando aqui!

Deixe uma resposta

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. AcceptRead More

%d blogueiros gostam disto: