Guarda Mirim de Foz abre dia 15 período de inscrições de 2020

0 15

A Guarda Mirim de Foz do Iguaçu vai abrir, no dia 15 de janeiro (quarta-feira), o período de inscrições para seu programa voltado à formação profissional e inserção de adolescentes no mercado de trabalho, destaca Ronildo Pimentel, no GDia.

O procedimento, que vai até o dia 31 de janeiro, é aberto para adolescentes de ambos os sexos, a partir de 14 anos completos, que estejam estudando. A instituição, que completa 43 anos de fundação em 2020, já encaminhou mais de 30 mil jovens ao mercado de trabalho.

As inscrições serão realizadas de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h, informa o presidente Hélio Cândido do Carmo. Pode candidatar-se às vagas quem tiver, na data da inscrição, 14 anos completos, até o limite de 17 anos e 11 meses. O adolescente, seu pai, mãe ou responsável legal pode fazer o procedimento.

Hélio do Carmo lembra que, para concorrer às vagas, o interessado deve estar matriculado e frequentar regularmente a escola, bem como residir e estudar em Foz do Iguaçu. No ato da inscrição, é preciso apresentar uma série de documentos como CPF, RG, comprovante de residência (serão aceitos boletos recentes de luz, água ou telefone) e declaração de matrícula escolar.

Contexto
“Quem já fez alguma inscrição na Guarda Mirim não precisa realizar o procedimento novamente”, informa o presidente. De acordo com ele, a instituição — localizada na Rua Tadeu Trompschinski, 56 (Vila Sossego) — tem cadastrados atualmente 3.622 adolescentes e aproximadamente 500 novas vagas no mundo do trabalho por ano.

Só em 2019, foram inscritos 1.846 adolescentes. “Estamos trabalhando para conseguir atender a todos, mas precisamos de mais apoio dos órgãos públicos e privados. Este é o motivo da demora e de vários adolescentes não conseguirem entrar”, afirma a Guarda Mirim, por meio de informativo.

Quando algum adolescente está em situação de risco ou vulnerabilidade social, informa Hélio do Carmo, ele é atendido com prioridade. “Tudo isso legalmente, documentadamente e fiscalizado por 13 órgãos”, completa o presidente.

História
Uma das mais conceituadas instituições de Foz do Iguaçu, a Guarda Mirim foi criada em 26 de julho de 1977, pela ex-primeira-dama Léa Leone Vianna. Em sua história, a organização já atendeu mais de 30 mil adolescentes. A maioria concluiu o programa ou foi contratada por empresas.

Muitos dos jovens que passaram pela instituição, hoje são pessoas formadas, que tiveram seus primeiros passos no mercado de trabalho guiados pela Guarda e servem de exemplo à nova geração.

A parceria com a Itaipu, firmada em 1998, garante uma média de de 250 e 300 encaminhamento de jovens todos anos ao Programa de Iniciação e Incentivo ao Trabalho (PIIT) da binacional.

A Guarda Mirim mantém profissionais como psicólogos e assistentes sociais, entre outros, que ajudam a monitorar os jovens assistidos.

Requisitos para a inscrição

  • O adolescente precisa ter, na data da inscrição, idade a partir de 14 anos completos até 17 anos e 11 meses;
  • A inscrição poderá ser realizada pelo adolescente, pai, mãe ou responsável legal; e
  • O adolescente deve estar estudando.

Documentos necessários para a inscrição

  • Cadastro de Pessoa Física (CPF);
  • Carteira de Identidade (RG);
  • Comprovante de residência (luz, água ou telefone); e
  • Declaração de matrícula escolar.

Leia a matéria completa no Cabeza News clicando aqui!

O espaço está aberto para você deixar sua opinião.