Portal Blog do Lago
Informação de qualidade na Tríplice Fronteira

Parentes precisam terminar cova para enterrar homem em Foz

0

Conforme a família, o coveiro abriu uma cova com menos 55 cm de profundidade, sendo que uma lei municipal determina que seja de 1,7 m. A norma também indica que a cova tenha 2,2 m de comprimento e 75 cm de largura.

“O buraco estava com menos de 55 cm. Não coube. A gente pediu pro coveiro fazer mais largo, mas ele começou a bater boca e jogar terra. Jogou terra no meu pé. Ficou de braços cruzados. Achei uma vergonha”, disse o genro do morto, Paulo Eduardo Bonifácio Gomes.

A empresa terceirizada responsável pelos serviços no cemitério admitiu que o funcionário errou e que a cova não estava do tamanho correto.

Por telefone, a empresa também informou que vai tomar providências em relação ao funcionário e que fará contato com a família.

Leia a matéria completa no G1 PR clicando aqui!