Diferenciação na tarifa vai ajudar o iguaçuense a pagar menos reajuste, diz prefeito de Foz

0

Ouça:

O prefeito Chico Brasileiro falou no último sábado (26), durante programa semanal de rádio, que pediu para o Foztrans debater com a população o reajuste no valor da passagem do transporte coletivo de Foz do Iguaçu. A proposta apresentada na semana passada foi diferenciar o valor para quem paga pelo cartão Único e quem paga em dinheiro.

Com isso, a tarifa passaria dos atuais R$ 3,75, para R$ 3,90 no cartão e R$ 4,20 em dinheiro. Na explicação, a diferença permitirá que o valor não aumente para R$ 4,05 para todos. Atualmente 70% dos usuários do transporte utilizam o pagamento eletrônico em Foz do Iguaçu.

Brasileiro admitiu que a qualidade do transporte na cidade não é o adequado, mas que é obrigado a cumprir o contrato firmado pelo município. “O transporte coletivo de Foz do Iguaçu não é o adequado, não é o ideal, não é a qualidade que a gente precisa para uma cidade turística como a nossa, mas nós somos regidos por um contrato feito em 2010 e que tomara que a a Justiça acabe, para gente fazer um novo processo licitatório”.

Chico Brasileiro informou que o processo licitatório que resultou no atual contrato com o Consórcio Sorriso foi judicializado pela Promotoria Pública de Justiça e que está em análise no Superior Tribunal de Justiça.

“É muito favorável para um lado e desfavorável para a grande maioria dos iguaçuenses que usam o transporte coletivo. (…) A diferenciação na tarifa vai ajudar o iguaçuense a pagar menos reajuste”, disse o prefeito.

Chico Brasileiro tem até a meia noite do dia 1° de novembro para decidir sobre o valor da tarifa.

Leia a matéria completa na Rádio Cultura Foz clicando aqui!

Leave A Reply

Your email address will not be published.