Foz prevê alta na visitação com a liberação de vistos para chineses

0

Foz do Iguaçu vê com otimismo o anúncio do presidente Jair Bolsonaro de isentar chineses e futuramente indianos de visto para turismo ou negócios no Brasil. O destino é um dos lugares mais procurados por turistas estrangeiros e agora com a medida do governo federal a procura deve aumentar mais.

“Anunciamos há pouco que vamos, o mais rápido possível, seguindo a legislação, isentar o turista chinês de visto para adentrar ao Brasil”, disse Bolsonaro em Pequim.

A mesma medida já foi adotada no dia 17 de junho para cidadãos dos Estados Unidos, Austrália, Japão e Canadá e deve contribuir para fortalecer o fluxo turístico de chineses no destino.

O gigante asiático é o país que mais emite turistas para o mundo, com 141 milhões de chineses viajando ao exterior anualmente. Em 2018, pouco mais de 56 mil chineses visitaram o Brasil, tendo como principais motivações o turismo de negócios e o ecoturismo.

Deste total, 18.371 estiveram em Foz do Iguaçu, colocando a China à frente de visitantes de países vizinhos como Uruguai, Chile, Colômbia e Peru. Este número significa que mais de 32% de chineses que vem ao Brasil, visitam a cidade.

“O Brasil é número um do mundo em belezas naturais e a China possui o maior emissivo turístico. Chineses amam as Cataratas do Iguaçu. Nossa meta, a partir de agora, com a isenção dos vistos, é triplicar o número de turistas chineses nos próximos três anos. Trabalhamos intensamente nesses últimos três anos para intensificar os laços de amizade, culturais e turísticos com a China. Agora chegou o tempo da colheita”, diz o secretário de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos de Foz do Iguaçu, Gilmar Piolla.

“O Brasil está renascendo para o mundo, com grandes possibilidades de negócios. E o turismo sempre é o que abre as portas para novos investimentos”, comemora Enio Eidt, presidente do Fundo de Desenvolvimento e Promoção Turística do Iguaçu – Fundo Iguacu.

Destino em alta

De acordo com o balanço do Parque Nacional do Iguaçu, no período de janeiro a setembro deste ano, o número de norte-americanos cresceu 42,4%. De janeiro a setembro deste ano, 33.069 visitantes dos Estados Unidos passaram pelo lado brasileiro das Cataratas do Iguaçu.

Piolla lembra que o destino teve um primeiro semestre que superou as expectativas, com 9,2% de crescimento do número de estrangeiros. “A expectativa é fechar o ano superando, pela primeira vez, a marca de 2 milhões de visitantes no lado brasileiro das Cataratas do Iguaçu”, afirma Piolla.

Leia a matéria completa no Boca Maldita clicando aqui!

Leave A Reply

Your email address will not be published.