Novela ‘Éramos Seis’: Alfredo flagra traição de Júlio e humilha o pai

0

A farra de Júlio (Antonio Calloni) com Marion (Ellen Rocche) não vai durar por mais muito tempo na novela “Éramos Seis”. Ao perder a chance de sociedade, o pai de família vai ser flagrado pelo próprio filho: Alfredo (Pedro Sol), o “ovelha-negra” da família na visão do vendedor. Tudo começará com um paixonite do menino pela loira. Ele decide ir atrás dela no cabaré para ver se consegue conhecê-la melhor e acaba dando de cara com o seu pai traindo Lola (Gloria Pires) com a sua paixão de adolescência. As informações são do site “Notícias da TV”.

Alfredo pega Júlio no flagra com Marion

Ele entra no estabelecimento e dá de cara com o pai beijando Marion. “Que foi? Quer arrumar encrenca? Estou dançando’, tenta disfarçar ela. “Seu parceiro é meu pai”, diz ele, espantado. “Deixa eu explicar, Alfredo! Alfredo!”, grita Júlio, desesperado. Marion percebe quem era o menino e fica espantada. “Agora o diabo levou tudo! Preciso ir atrás dele, preciso falar com ele, Marion! Alfredo”, explica Júlio. Enquanto isso, o rapaz estará esperando pelo pai do lado de fora do cabaré. “Meu filho?”, fala Júlio, todo manso.

Júlio tenta ser carinhoso para convencer Alfredo

Alfredo aproveita a situação para desabafar com o pai. “Agora me chama de filho?… Não vai me chamar de vagabundo de novo?”, rebate ele. “Não, claro que não, eu só quero…”, tenta se justificar. “Não tem o que falar, não? Comigo, só sabe falar pra acusar. Que vivo em más companhias, que não estudo, que sou o errado… enquanto o senhor… Que belo exemplo de virtudes”, diz Alfredo, humilhando o marido de Lola. Júlio emposta a voz e diz que não admite que ele fale assim o pai, que apanhará de uns agiotas.

Alfredo desafio Júlio: ‘Nunca mais vai me bater’

“Não admite? Não tem mais condições de me passar sermão. Com que moral? É aqui que passa as noites de serão e balancete? Enquanto a minha mãe espera, com um prato quente de comida… sem saber que está se refestelando nos braços de uma dançarina! Um mentiroso”, grita Alfredo ao enfrentar o pai. Júlio não mudará a atitude diante do caso e chamará o filho de moleque e tentará bater nele. Alfredo será esperto e vai segurar a mão do pai e dirá firme: “Não! Nunca mais vai levantar a mão pra me bater.”

Júlio descobre que Alfredo e Marion já se conheciam

Ele voltará para dentro do cabaré e receberá apoio da amante, como ela sempre faz. “Fica calmo, Júlio… Está tudo bem, só ralou um pouco quando caiu.” “Isso não é problema, está tudo péssimo… Tudo terrível. Lola nunca desconfiou das minhas escapadelas. Agora Alfredo me viu. Tinha que vir aqui e dar de cara comigo”, rebate Júlio. “Como podia imaginar que esse Alfredo fosse o seu Alfredo”, explica a dona. Júlio se surpreende ao saber que eles já se conheciam e ela conta que eles dançaram juntos.

Júlio tem medo de encarar Lola

Júlio ficará desapontado mais uma vez após ser confundido com mendigo. “Era o que faltava… Meu filho com você, que azar o meu. Estou frito, sem coragem de ir pra casa e encarar a Lola”, desabafa. Marion questiona se ela acha que ele contará tudo para Lola. “É a chance que ele tem de ir à forra comigo. Não sei como vai ser, Marion, chegar em casa… e olhar na cara da Lola”, argumenta o vendedor.

Leia a matéria completa no Pure People clicando aqui!

Leave A Reply

Your email address will not be published.