Preservação foi a palavra chave no abraço coletivo ao bosque dos Pioneiros

0

Um abraço coletivo ao Bosque dos Pioneiros marcou a programação alusiva ao Dia da Árvore, na manhã dessa quarta-feira (25), em Santa Terezinha de Itaipu. Estudantes das redes municipal, estadual e particular de ensino, representantes do poder público, vereadores, Itaipu Binacional, entidades, associações, universidade e membros da comunidade fizeram parte do ato simbólico que teve a palavra preservação como tema central.

“O abraço ao Bosque dos Pioneiros, um acervo público natural histórico é uma maneira carinhosa de advertir as pessoas para a importância da preservação de um bem coletivo, seja ele de espécies da fauna e da flora, seja de equipamentos públicos como bancos, placas, lixeiras, entre outros”, ressaltou a vice-prefeita Neide Mariot Corrente, que destacou ainda o envolvimento da comunidade, nas mais variadas faixas etárias como o ponto principal para o engajamento e os resultados.

Santa Terezinha é referência no Brasil quanto à coleta seletiva. O programa desenvolvido no município é modelo para várias cidades do país e, suas ações, com resultados práticos, despontam em premiações ao longo de anos de atividade. A conquista mais recente foi no dia 17 de setembro, em São Paulo, quando o município ficou em 1º lugar no Brasil, no prêmio Cidades Sustentáveis.

“Se somos referência é porquê temos cidadãos conscientes que, no dia a dia, contribuem para que a cidade seja limpa, organizada e o lixo melhor aproveitado”, disse o secretário de Agropecuária e Meio Ambiente, Paulo Sérgio Ruppenthal.

Ele, assim como a vice-prefeita, convocou à comunidade para que cuide do patrimônio público e seja guardiã de um bem de todos. Após o abraço coletivo, as autoridades foram convidadas a entrar no bosque e fazer o plantio de mudas de palmito juçara.

1569461279 748 Preservacao foi a palavra chave no abraco coletivo ao bosque - Preservação foi a palavra chave no abraço coletivo ao bosque dos Pioneiros

Novo olhar – A aluna da escola Municipal Nossa Senhora do Carmo, Brenda Abreu de Senna, 10 anos, ficou impressionada ao passear pelo bosque e conferir as novidades espalhadas. “Foi muito divertido. O bosque é lindo e temos que preservar”, disse a aluna.

Morador de Santa Terezinha desde 1975, um dos pioneiros, David Correia, 76 anos, escreveu seu desejo e depositou no “Poço dos Desejos”, local criado para que o visitante deixe sua mensagem. “Pedi um mundo melhor. Quero que as pessoas sejam mais conscientes e ajudem a manter o nosso ambiente lindo e limpo”, destacou.

Programação – Além do abraço coletivo, os participantes puderam fazer a visitação no interior do bosque e conhecer espécies de animais empalhados, apreciar a exposição de desenhos dos alunos do Departamento de Cultura, obter pintura facial, deixar mensagem no Poço dos Desejos e saber um pouco da história do local. A programação segue até às 17h.

Texto e fotos: DC STI

Leave A Reply

Your email address will not be published.