Mãe de grávida de gêmeas que foi executada desabafa: “tanto que eu pedi pra ficar em casa”

0 380

Na porta do Instituto Médico Legal de Foz, dona Fátima Masiero, conversou com a imprensa depois de reconhecer o corpo da filha Maria Cristina Masiero, de 20 anos de idade, que estava grávida de gêmeas.

Ela foi morta a tiros ao lado de outros 3 amigos no final da noite deste domingo, 23, por volta de 23h10, na esquina da rua Rua Antonio Alves com João Vicente Chaves, No bairro Cidade Nova.

Fonte: Play Notícias

O espaço está aberto para você deixar sua opinião.


Notice: Constant WP_USE_THEMES already defined in /home/blogdolagocom/public_html/index.php on line 14