‘Éramos Seis’: por causa de Júlio, Julinho é quase atropelado por bonde

0

Até o mais calmo dos filhos de Lola (Gloria Pires) dará trabalho para a família na novela “Éramos Seis”. Julinho (Davi de Oliveira) sairá correndo no meio da rua atrás de um cachorro e quase será atropelado por um bonde. A sorte dele é que Afonso (Cássio Gabus Mendes) conseguirá chegar até ele a tempo e evitará que o mesmo sofresse um grave acidente. O quase acidente acontecerá por causa de Júlio (Antonio Calloni), que já possui o desgosto do público. As informações são do site “Notícias da TV”.

Júlio rejeita o cachorro e o expulsa de casa

Tudo começará quando Julinho acha o filhote na rua, apelidado de Jagunço, e decide levá-lo para casa. Assim que Júlio vê o animal, ele já diz que não quer o bichinho ali. Para piorar tudo, ele também não gostará muito do homem da casa e morderá a barra da calça. “Sai, cachorro… Sai!”, esbraveja Júlio, colocando o cachorro do lado de fora de casa. O problema é que Julinho verá isso e sairá correndo atrás do animal assim que ele vai em direção à rua.

Julinho corre atrás de Jagunço e fica na mira do bonde

Lola, sempre muito preocupada com a família, ouvirá o xodó gritando na varanda e vai para janela ver o que está acontecendo. A mãe se desesperará ao ver que o bonde está vindo e que Julinho está indo em sua direção. O garoto alcançará o cachorro e o pegará no colo, ao ver que a condução está chegando, ele ficará estagnado e em choque. Mas um anjo da guarda aparecerá. Afonso verá o acidente prestes a acontecer e sairá correndo de seu armazém e empurrará o menino da frente do transporte. Ele também conseguirá sair salvo porque o condutor freia a tempo de acertá-los.

Graças a Afonso, Julinho é salvo da morte

“Obrigada, seu Afonso, obrigada. Não fosse o senhor, podia ter acontecido uma tragédia. Que loucura, Julinho. Sair assim. Perco a cabeça, olha, capaz de eu ainda esganar esse menino”, desabafa Lola, aliviada com a tensão. O menino amolecerá o coração da mãe com uma chantagem emocional. “Esgana outro dia, mãe, hoje estou machucado”, diz ele com cara de sofrido.

Arrependido, Júlio aceita o cachorro como membro da família

Ao chegar em casa, Júlio ficará devastado ao saber que quase causou a morte do filho, que tem um grande dom para os negócios da família. Arrependido do que fez, ele resolve deixar Jagunço entrar para a família. “Pode ficar, Julinho, tudo bem”, concorda ele. Uma família com seis, passará a ter sete membros a partir do capítulo de sexta-feira (4).

Leia a matéria completa no Pure People clicando aqui!

Leave A Reply

Your email address will not be published.