Três gerações e a mesma paixão pela música em STI

Netos, tio e avô participam juntos das oficinas de Teclado e Acordeon oferecidas pelo Departamento de Cultura

A música é capaz de unir gerações para agradáveis atividades em grupo, seja apenas para ouvi-la, tocar algum instrumento ou cantar. No Departamento de Cultura de Santa Terezinha de Itaipu, o aposentado Hugo Horig, de 67 anos, faz Oficina de Acordeon e faz questão de levar o filho dele, Fabiano, juntamente com seus sobrinhos, netos do Hugo: Léo Jaime e Faimerson de 13 anos e Heloisa, de 7. Todos eles nas Oficinas de Teclado.

Três gerações de uma mesma família acompanhando as aulas oferecidas gratuitamente pela Administração Municipal. “Desde pequeno eu toco um pouco de acordeon e depois que descobri que o Departamento de Cultura oferecia aulas gratuitas, resolvi trazer o filho e os netos a participar para aprender a tocar novos instrumentos”, comenta Hugo Horig. E ele complementa, dizendo ser um incentivo para toda a família e que adoram participar das aulas.

Para o diretor do Departamento de Cultura, Mário Alarcon, as atividades oferecidas à população tornam-se um incentivo para que crianças e jovens possam desenvolver habilidades e conhecimentos que carregarão pelo resto da vida. “Cultura é sempre muito importante para tudo, incentiva as crianças a não ficarem a frente de um vídeo-game ou de um celular, fugir um pouco da tecnologia e adquirir outros conhecimentos que vão levar para a vida toda. Música é sempre bom e abre o conhecimento deles para muitas coisas”, explica Alarcon.

Foto/Matéria: DECOMSTI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *